segunda-feira, 1 de outubro de 2007

e o pingo nasceu

hoje nasceu o pingo
d'gua na torneira, caiu
desceu, deslizou por
entre as entranhas
estranhas da mãe
que pariu páris antes
dele: o pingo de gozo, de
glória, enrosca, deita
rola no chão, a mãe
que sangra. mas mesmo
na dor que sente não nega
o filho que pinga em seu corpo
e a beija na face.

4 comentários:

disse...

Coisa linda, Ana!

(L)

¤ Polly ¤ disse...

nossa
adorei
=)
;*

Mileníssima disse...

Lindo, lindo :)
Agora atualiza, né, Ana Laura?
Hahaha

disse...

ô Lala!!!
Cadê tu?!