sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

miniretrospectiva

o natal já veio e foi.

2008 suspira seus últimos dias.

foi um ano bom.

com todos os percalços, obstáculos, desafios, foi um ano bom.
principalmente porque as alegrias e os encontros são sempre maiores.
tanta gente passa pela cabeça... tanta energia... tanta alma amiga...

mais um ano em caxambas, que diria heim theca maria? coisa boa é viver, coisa boa é tê-la em minha vida de forma tão carinhosa, amorosa, amiga e positiva.

mais um ano de novas amizades: os falmigas. sentiram gente? "Os Falmigas", afinal, temos testosteronas no grupo... salve deus, sempre repito: nasci para ter um harém bem pluralista, eis que agora me deleito!

humm, "que deleite, que delícia, que delírio".

e carol, rafael, carine, m.clara, stess, mariana's, iara, ieda, flori, debs, ingrid, vic e crystal, chaves, caio, théo, mais, muito mais, alunos que viram amigos. tem mais, mais, sempre mais. adoro alunos que viram amigos. até tio jugolino com seu punk pra desbundar infâmias de joão gordo surgiu de marte. e leon, luana, mtanos, mari's, dezza, marcos, aída, as irmãs sardinhas, nath, tantos mais que passam ano, se formam e permanecem... cada peça...

e família. família é uma coisa sempre muito boa. a minha, a sua, a dele, a da theca, a da phal, a da juca, a do mahl, e todas que colocam essa gente genial na vida... e o mundo roda e a lusitana gira e nos apresenta das maneiras mais supreendentes e doces: carla san, alline, mani, ana paula, pc, tellinha, nenéia, cáudi lyyyyiiiiraaaaa, jujuuuuu, gigiiiii, elaineee, nessaaa, tatitatoooo, sealviaaaa, silvana, vera, enfim, todos os falmigas do coração. todos vocês, repito, sem exceção.

é preciso agradecer os vibes, os bopes, os shaloms, os oxalás, os guias, os mungunzás, as meditations, as boas energias que fizeram theca se recuperar do susto. obrigada, amados, sempre muito obrigada.
e clê, tel, lisa, sil galazini, memê, plátano, mtv, xará, babu, rita, ju, juca, mahl, vocês sabem: moram em mim permanentemente. quer falemos, vejamos ou não.

e pimenta, sonaira, bella da tarde, kleber, roseli, fafá, abê, idem, idem, idem.

e macieiras, a família inteira... e tantos nomes e rostos que vêm à minha concomitantemente: lívia, adriano, meus e-ternos amigos que sobrevivem a mim desde a infância: eu os amo de corpo inteiro. devotamente.

salve bella guima! sucesso e felicidade neste ano que se aproxima!!!
e prosperidade a todos, sem exceção. aos meus amigos citados, os pensados e guardados em mim (certo linão, renné de vilmão, mica, rêbortô?) e tantos outros que levo nos poros.

beijo, bárbara m.p; beijo, naty drops de anis, beijo deize rosa choque, beijo fabim caryoker, beijo, beijo, beijo. beijo fê niman e robin. beijo, muito beijo.
sem exceção, amigos. você que vem aqui e sabe que é meu amigo: te amo.

te amo theca maria. te amo fly, zorra, ceci, cássia, max, orlando e lash slash do meu coração. te amo vida. obrigada por me favorecer dias tão azuis mesmo quando nem tudo é claridade ao redor.

obrigada pai, obrigada mãe, obrigada a todos os meus irmãozinhos.
obrigada nhá chica. obrigada deus. obrigada a tudo aquilo que a gente não vê que existe mas existe dentro de nós.

e xô a tudo que não presta.

que venha a chuva e nos banhe. chuvas de ipês amarelos, certo meninas?
chuva de vento, de trovoada, sem desmoronamento.

chuva de vida pra todos nós.
que vença a felicidade. para que reine o amor.

com amor, meu beijo,

4 comentários:

Mani disse...

E hoje sonhei com voces! Na verdade, no sonho eu te via. Estava dormindo numa rede, e eu ficava conversando com Esther...Uma longa conversa...beijos.

Anônimo disse...

E euuuuu???
Só pq cheguei no fimmmm de 2008 nao mereço lembranças???? e o menino maluquinho...tamos tristesss...
Mas, tá perdoada pq sei que tamos no teu coração!
BBBjjjjsss imensos e mandem noticias.
Tava em BH desde o dia 24,cheguei ontem...
Clau e Lyppe

Anônimo disse...

Sentado aopé do fogo eu penso
em tudo o que já vi,
flores do prado e borboletas,
verões quejá vivi;

As teias e as folhas amarelas
de outonos de outros dias,
com a névoa e sol pela manhã, no rosto as auras frias.

Sentado ao pé do fogo eu penso
no mundo que há deser
com inverno sem primavera
que um dia hei de ver.

Porque há tanta coisa ainda
que nunca vi de frente:
em cada bosque, em cada fonte
há um verde diferente.

Sentado ao pé do fogo eu penso
em gente que se defez, e em gente que vai ver o mundo
que não verei de vez.

Mas enquanto sentado penso
em tanta coisa morta,
atento espero pés voltando
e vozes junto a porta.

Mesmo não estando nesta sua lista de nomes, Feliz Ano Novo e Muita Felicidade para você!!!

Bjus,
Alex Brazadio.

Carine disse...

você lembrou de miiiim na mini retropectiva, que honra *-*-*-*
po, vou sentir sua falta esse ano ;/
aprendi muito com você, e adorei seu novo estilo ;D

Beijos minha eterna prof maluquett
;***