segunda-feira, 17 de novembro de 2008

despencágua

chove, belezuras. chove, e muito. o céu grita, esperneia, histeriza e alucina. os cães tremem de medo. a natureza vibra a terra e eu penso em minha mãe - que acha sempre tudo tão lindo. eu também. mas no descampado onde moro as tempestades são desastrosas. e os pára-raios na maioria das vezes não param cois'alguma........ e os aparelhos eletrônicos tendem a uma morte súbita. "atravessa a pinguela", diz esther. "tá, tudo isso pra dizer que tenho muito a dizer, rá, genial! mas terei que esperar a chuva passar, a tempestade de ventos... e xpto... para que com sorte, muita sorte, tenha conexão mais tarde para postar. mas eu volto. volto, sim. atualizo cá. e adiciono ju no msn, viu querida? beijos, beijos. em todos. individualmente. penso que assim os beijos se prolongam........... inté!

2 comentários:

disse...

vc abandona o 2ponto5, mas ele vem aqui, tá?

amo.

Juju, que vai pra Caxambuuuuu disse...

nega, te dei o msn errado, agora que vi lá no outro comentario... enfim: jucalinha@hotmail.com

beijocas